“Se eu não morresse, nunca! E eternamente buscasse e conseguisse a perfeição das coisas!”

Cesário Verde